Hipotireoidismo Nos Homens – Sintomas e Como Combater?

Hipotireoidismo nos homens

O hipotireoidismo nos homens, embora seja menos frequente que nas mulheres, é um fato que deve ser levado em consideração. O motivo é que essa doença caracterizada pela baixa produção dos hormônios da tireoide causa diversas alterações no organismo interferindo praticamente em todas as suas funções. Para saber todos os detalhes sobre o fato de o hipotireoidismo afetar os homens, confira nosso artigo.

Ocorrência de hipotireoidismo nos homens

Ainda que a incidência de hipotireoidismo nos homens seja bem menor que nas mulheres, essa doença também afeta uma grande quantidade de pessoas do sexo masculino e deve ter acompanhamento médico frequente por meio de exames de sangue feitos uma vez ao ano. Os especialistas mencionam que o número relativamente baixo de homens diagnosticados com hipotireoidismo pode ser pelo simples fato de eles desconhecerem a existência da doença.

Sintomas do hipotireoidismo nos homens

Tanto o hipotireoidismo nos homens quanto nas mulheres apresenta diversos sintomas, pois como mencionado, essa baixa produção dos hormônios da tireoide interfere no funcionamento do organismo como um todo. Vejamos com detalhes todos os sintomas do hipotireoidismo em homens.

Sintomas gerais do hipotireoidismo nos homens

  • Aumento de peso (ou dificuldades para emagrecer)
  • Cansaço frequente ou fadiga
  • Maior sensibilidade ao frio (principalmente nas mãos e pés)
  • Inchaço corporal (causado pela retenção de líquidos)
  • Episódios de falta de ar ou dificuldade para respirar
  • Sensação de secura nos olhos
  • Tremores
  • Rouquidão
  • Pálpebras pesadas

Sintomas mentais do hipotireoidismo nos homens

  • Tonturas
  • Sensação de desânimo
  • Crises de pânico
  • Lapsos de memória
  • Raciocínio lento
  • Inquietação
  • Dificuldades de aprendizado
  • Baixa concentração

Sintomas emocionais do hipotireoidismo nos homens

  • Quadros depressivos
  • Tendência a transtorno bipolar
  • Alterações hormonais
  • Nervosismo
  • Ansiedade

Sintomas do hipotireoidismo nos homens relacionados ao sono

  • Roncos frequentes
  • Insônia
  • Sensação de acordar se sentindo cansado
  • Baixa qualidade do sono
  • Pesadelos constantes.

Sintomas do hipotireoidismo nos homens relacionados a pele, cabelo e unhas

  • Maior incidência de acnes
  • Ocorrência de olheiras
  • Edemas nos olhos, rosto, mãos, pés e/ou tornozelos
  • Palidez ou pele amarelada
  • Pele ressecada
  • Unhas frágeis
  • Queda de cabelo
  • Perda de fios da sobrancelha
  • Perda de cílios

Sintomas digestivos do hipotireoidismo nos homens

  • Quadros de hipoglicemia (baixa quantidade de açúcar no sangue)
  • Redução do apetite
  • Maior sensibilidade aos alimentos (podendo ocorrer episódios de alergias)
  • Constipação intestinal
  • Boca seca (sede constante)
  • Baixa tolerância ao álcool
  • Prisão de ventre
  • Diabetes e síndrome metabólica
  • Doenças no fígado ou na vesícula biliar

Sintomas cardíacos do hipotireoidismo nos homens

  • Aumento dos níveis de colesterol ruim (LDL)
  • Redução ou aumento da pressão arterial
  • Diminuição dos batimentos cardíacos
  • Problemas de coagulação sanguínea

Sintomas do hipotireoidismo nos homens relacionados ao sistema imunológico

  • Frequentes infecções urinárias
  • Sintomas associados a artrite reumatoide
  • Maior frequência de gripes, resfriados e dores de garganta

Sintomas do hipotireoidismo nos homens relacionados ao sistema reprodutivo

  • Perda do desejo sexual
  • Disfunção erétil

Obs.: quando o hipotireoidismo nos homens não é tratado a tempo, é possível que ocorra infertilidade.

Causas do hipotireoidismo nos homens

As causas do hipotireoidismo nos homens são as mesmas que nas mulheres, sendo que os problemas que afetam essa glândula estão atrelados a uma série de fatores. Vejamos.

Presença de doenças autoimunes

Alterações no sistema imunológico provocadas por doenças podem causar graves desequilíbrios na tireoide, interferindo na produção hormonal.

Fatores genéticos

Pessoas que apresentam casos familiares de problemas na tireoide são mais suscetíveis aos quadros de hipotireoidismo e demais doenças que afetam essa glândula.

Tratamentos para hipertireoidismo

Os medicamentos e demais tratamentos prescritos para hipertireoidismo podem acarretar um problema contrário, ou seja, o hipotireoidismo. Isso ocorre porque o tratamento do hipertireoidismo busca reduzir a produção dos hormônios da tireoide e quando essa redução é excessiva, é possível desencadear o hipotireoidismo.

Cirurgias feitas na tireoide

Tanto a remoção parcial quanto total da glândula tireoide está entre as principais causas do hipotireoidismo nos homens e nas mulheres. É por este motivo que muitas vezes, após realização dessa cirurgia, é necessário fazer uma suplementação com iodo, que é recomendada pelo médico responsável pelo tratamento.

Radioterapia

Tratamentos com radioterapia também estão entre as principais causas do hipotireoidismo em homens e mulheres. Para pessoas que fazem esse tratamento, quando autorizado pelo médico, também é necessário fazer reposição de iodo e demais suplementações para evitar o problema.

Uso de medicamentos

O consumo de determinados medicamentos que interferem na produção hormonal também é uma das possíveis causas do hipotireoidismo em homens e mulheres.

Doenças congênitas

A ocorrência de doenças antes mesmo do nascimento estão entre os fatores mais relevantes quanto ao aparecimento do hipotireoidismo em homens e mulheres. Tais doenças podem ocorrer devido a problemas na gestação ou até mesmo por fatores genéticos.

Deficiência de iodo

A deficiência de iodo afeta diretamente o funcionamento da glândula tireoide, principalmente na redução dos hormônios, provocando os quadros de hipotireoidismo. A deficiência de iodo é causada por fatores relacionados à alimentação, deficiência de nutrientes específicos no organismo etc.

Distúrbios pituitários

Distúrbios na glândula pituitária podem acarretar quadros de hipotireoidismo, já que essa glândula atua na produção do TSH, hormônio responsável por estimular a produção dos hormônios tireoidianos (T3 e T4).

Como prevenir hipotireoidismo em homens

Hipotireoidismo nos homens

Para prevenir o hipotireoidismo em homens e mulheres é necessário:

Fazer exames regularmente

Todos os anos é preciso fazer exames de sangue que apresentam os níveis de T3, T4 e TSH, todos hormônios relacionados à tireoide. Esses exames devem ser realizados com maior frequência nos casos das pessoas mais afetadas pelas causas do hipotireoidismo.

Cuidar da alimentação

Ter uma alimentação saudável que foque na prevenção do hipotireoidismo é um dos fatores chave para evitar esse problema e garantir um nível adequado de produção dos hormônios tireoidianos. Entre os alimentos mais recomendados estão peixes de água salgada, algas marinhas, frutos do mar, camarão, castanha-do-pará e sal fortificado com iodo.

Fazer exercícios físicos

A prática constante de atividade física funciona como uma importante aliada na prevenção do hipotireoidismo. Além de estimular a perda de peso e evitar uma série de doenças, os exercícios físicos contribuem para o equilíbrio hormonal, promovendo a saúde da tireoide.

Depois de saber todas essas informações sobre hipotireoidismo nos homens, confira nossos demais conteúdos sobre a saúde da tireoide.

Imagens: hipotireoidismo.net / homemnoespelho.com.br