5 Chás para Quem Tem Hipotireoidismo: ervas medicinais fitoterápicas

Chá para quem tem hipotireoidismo

Cada chá para quem tem hipotireoidismo traz grandes benefícios no tratamento dessa doença caracterizada pela baixa produção dos hormônios da tireoide (T3 e T4). Ingerir esses chás é uma maneira de tratar o hipotireoidismo de maneira natural e evitar o uso excessivo de medicamentos. Confira nosso artigo e veja quais são esses chás e como prepará-los.

Confira abaixo a lista dos 5 melhores chás para quem tem hipotireoidismo. (consulte seu médico antes de consumir)

1 – Chá de gengibre para quem tem hipotireoidismo

Essa raiz muito utilizada na culinária asiática é uma das mais indicadas para quem sofre de hipotireoidismo. Além de acelerar o metabolismo, o gengibre fresco contribui para melhorar as defesas imunológicas e proteger o organismo como um todo.

Ingredientes

  • 1 colher (sopa) de gengibre fresco ralado (sem casca);
  • 500ml de água.

Modo de preparo

  • Colocar a água em um recipiente e levar ao fogo;
  • Assim que a água começar a ferver, colocar o gengibre fresco ralado e deixar a mistura fervendo por 5 minutos;
  • Desligar o fogo, tampar o recipiente e deixar o chá esfriando por cerca de 10 minutos;
  • Coar e beber esse chá ao longo do dia, preferencialmente após o almoço.

Esse chá para quem tem hipotireoidismo deve ser ingerido de 2 a 3 vezes por semana, sendo possível adoçá-lo com uma pequena quantidade de mel ou açúcar.

2 – Chá de centella asiática para hipotireoidismo

Um chá para quem tem hipotireoidismo bastante recomendado é o de centella asiática. Ele favorece a circulação sanguínea, estimula o sistema metabólico e alivia os sintomas típicos dos quadros de hipotireoidismo, tais como cansaço, pouca concentração etc.

Ingredientes

  • 1 xícara (chá) de água;
  • 1 colher (chá) de centella asiática.

Modo de preparo

  • Colocar a água em um recipiente e levar ao fogo;
  • No momento em que a água começar a ferver, colocar as folhas de centella asiática e desligar o fogo logo em seguida;
  • Tampar o recipiente e deixá-lo descansando por 5 minutos. Isso faz que a água absorva bem as propriedades da centella asiática;
  • Coar o chá e beber de 2 a 3 vezes ao dia.

Esse tipo de chá para quem tem hipotireoidismo deve ser consumido 2 vezes por semana.

3 – Chá de gengibre com hortelã para hipotireoidismo

Conforme já mencionamos, o gengibre é altamente indicado para pessoas que sofrem com hipotireoidismo. Combinado com folhas frescas de hortelã, esse chá para quem tem hipotireoidismo oferece ainda mais benefícios para a saúde do corpo como um todo.

Ingredientes

  • 500ml de água;
  • 1 colher (sopa) de gengibre fresco ralado (sem casca);
  • 5 folhas frescas de hortelã lavadas.

Modo de preparo

  • Em um recipiente, colocar a água e levar ao fogo;
  • Assim que a água iniciar fervura, adicionar o gengibre e o hortelã;
  • Deixar essa mistura fervendo por 5 minutos;
  • Logo depois, desligar o fogo e tampar o recipiente;
  • Aguardar 10 minutos, coar o chá e beber no decorrer do dia (quente ou gelado).

Obs.: o chá para quem tem hipotireoidismo pode ser adoçado com um pouco de mel ou açúcar. No entanto, o recomendado é não exagerar, pois isso prejudica as propriedades medicinais do gengibre e da hortelã.

Esse chá para quem tem hipotireoidismo pode ser ingerido 3 vezes por semana. Inclusive, para os dias quentes, uma excelente pedida é beber o chá de gengibre com hortelã gelado. Além de favorecer a saúde da tireoide, esse chá favorece a limpeza do fígado e dos rins e ainda estimula o processo de emagrecimento.

4 – Chá de limão para quem tem hipotireoidismo

Chá para quem tem hipotireoidismo

Esse chá para quem tem hipotireoidismo é um dos mais fáceis de fazer e também proporciona uma série de benefícios para a saúde. Rico em propriedades depurativas e em vitaminas C, a simples mistura de limão com água atua no fortalecimento do sistema imunológico, emagrece e ainda melhora o metabolismo, dando uma ajuda extra na produção dos hormônios tireoidianos.

Ingredientes

  • 1 xícara (chá) de água;
  • 1 limão.

Modo de preparo

  • Colocar a água em um recipiente e levar ao fogo;
  • Assim que a água esquentar (antes de ferver), desligar o fogo e espremer o limão;
  • Mexer, aguardar cerca de 3 minutos (até que o chá esfrie) e beber logo em seguida.

O chá para quem tem hipotireoidismo preparado com limão pode ser ingerido diariamente, 30 minutos após o almoço. Esse simples hábito auxilia no processo digestivo e ajuda na quebra das moléculas de gordura.

5 – Chá de gengibre com limão para hipotireoidismo

A combinação do gengibre com limão é uma das mais recomendadas para quem tem hipotireoidismo, podendo também ser ingerido quente ou gelado. Ou seja, é um excelente chá para quem tem hipotireoidismo.

Ingredientes

  • 1 colher (sopa) de gengibre fresco ralado;
  • 1 limão;
  • 1 colher (sopa) de mel;
  • 500 ml de água.

Modo de preparo

  • Em um recipiente, colocar a água e o mel e levar ao fogo;
  • Assim que a água começar a ferver, adicionar o gengibre fresco ralado;
  • Deixar fervendo por 5 minutos e desligar o fogo;
  • Espremer o limão, mexer o chá e abafar o recipiente por mais 5 minutos;
  • Coar e beber o chá ao longo do dia.

Ao beber esse chá para quem tem hipotireoidismo é possível colocá-lo no cardápio de 2 a 3 vezes por semana.

Observação quanto ao consumo de gengibre

No caso do chá para quem tem hipotireoidismo que é preparado com gengibre, é preciso frisar que ele não é indicado para pessoas que sofrem de problemas cardíacos, tais como hipertensão e arritmia, já que os compostos contidos no gengibre causam uma aceleração dos batimentos cardíacos.

No caso de pessoas que tomam algum tipo de medicamento (inclusive aqueles prescritos para a tireoide) ou são diagnosticadas com outros tipos de doenças, é preciso conversar com o médico antes de iniciar o consumo de gengibre.

Atenção e dicas para a dieta

Além de preparar o chá para quem tem hipotireoidismo é necessário seguir uma dieta específica para quem tem hipotireoidismo, que consiste no consumo de alimentos que contribuem para a produção dos hormônios da tireoide, fazendo que o organismo, aos poucos, retome o equilíbrio.

Hidratar bem o organismo, ter uma atividade física e buscar o equilíbrio emocional também são fatores importantes no tratamento do hipotireoidismo e demais problemas que afetam a tireoide.

Anotou cada chá para quem tem hipotireoidismo? Agora confira nossos outros conteúdos abordando maiores detalhes sobre a saúde da tireoide.

Imagens: dicasdemulher.com.br / almjhar.com